Última hora

Em leitura:

Brexit: Manter paz na Irlanda do Norte ganha destaque no diálogo


A redação de Bruxelas

Brexit: Manter paz na Irlanda do Norte ganha destaque no diálogo

Depois de aberta formalmente a negociação sobre o Brexit e a dois dias da cimeira dos líderes europeus, Michel Barnier deu conta dos detalhes do processo num conselho de Assuntos Gerais da União Europeia, terça-feira, no Luxemburgo.

“A decisão soberana do Reino Unido de deixar a União e de deixar, como foi confirmado, ontem, o mercado único e a união aduaneira, cria uma incerteza considerável para os cidadãos, ao nível dos seus direitos. Obviamente, é também o caso no que se refere à questão das fronteiras, em particular, na ilha da Irlanda”, explicou o negociador principal pela Comissão Europeia.

A República da Irlanda tem a única fronteira terrestre com o Reino Unido e manter a paz no território britânico da Irlanda do Norte é um dos temas mais delicados.

“Precisamos de ver, detalhadamente, como poderemos encontrar uma solução especial, no contexto do Brexit, para a Irlanda do Norte, por forma a respeitar o acordo de Sexta-feira Santa, que protege o processo de paz, no qual tantas pessoas se empenharam. Terá de permitir manter a normalidade na ilha da Irlanda, entre Norte e Sul”, afirmou Simon Coveney, ministros dos Negócios Estrangeiros da Irlanda.

As outras prioridades são estabelecer quanto é que o governo de Londres tem de pagar pelos compromissos financeiros assumidos e garantir os direitos dos cidadãos britânicos que vivem na União e vice-versa.