Última hora

Em leitura:

Há indícios de corrupção passiva por parte de Temer


Brasil

Há indícios de corrupção passiva por parte de Temer

A Polícia Federal do Brasil diz que há indícios da prática do crime de corrupção passiva por parte do presidente Michel Temer e do seu ex-acessor Rodrigo Rocha Loures. A conclusão é apontada no relatório parcial enviado esta segunda-feira ao Supremo Tribunal brasileiro.

A Polícia Federal pediu mais cinco dias, até ao próximo fim-de-semana, para concluir a investigação no que diz respeito às suspeitas dos crimes de organização criminosa e obstrução à Justiça.

O deputado Rocha Loures foi detido no passado dia 3 de junho, depois de surgir numa gravação de vídeo divulgada em maio a transportar uma mala com 500.000 reais (perto de 137.000 euros), que lhe teria sido dada por Joesley Batista, um dos donos do grupo JBS. No seu acordo de delação com a Justiça, Batista afirmou que seguia indicações de Temer, com o objetivo de favorecer o grupo.