Última hora

Em leitura:

Portugal: autoridades terminam identificação das vítimas


Portugal

Portugal: autoridades terminam identificação das vítimas

As autoridades portuguesas já concluíram o processo de identificação das 64 vítimas mortais do incêndio de Pedrógão Grande.

Segundo informações veiculadas pelo Ministério da Justiça, o processo de identificação vítimas foi levado a cabo pelo Instituto Nacional de Medicina Legal com recurso à comparação genética.

A identificação das vítimas constitui um requisito necessário para as famílias poderem levantar os corpos e proceder aos funerais respetivos.

Ainda de acordo com os serviços de apoio, há pelo menos 254 feridos.

Esta sexta-feira a Autoridade Nacional de Protecção Civil alertou para um risco muito elevado a máximo de incêndio nas regiões do interior Norte e Centro e na região Sul, nas próximas 48 horas.

A meteorologia prevê a continuação do tempo quente, uma condição propícia à ocorrência e propagação de incêndios florestais.

Esta sexta-feira, o primeiro-ministro António Costa, presente na Cimeira da UE em Bruxelas, agradeceu à Comissão Europeia, a intervenção através do Mecanismo de Protecção Civil da União Europeia para ajudar a combater os fogos florestais.