Última hora

Em leitura:

Albânia: socialistas reeleitos nas legislativas


Albânia

Albânia: socialistas reeleitos nas legislativas

A Albânia foi a votos num domingo quente e a participação ficou abaixo dos 36 por cento, o que alargou o horário de voto em uma hora, na esperança de incentivar eleitores indecisos.

Os principais partidos almejavam maioria parlamentar para avançar com reformas judiciais necessárias à adesão à União Europeia, mas os primeiros resultados não revelam ainda se o actual primeiro ministro e líder socialista, Edi Rana, tem a maioria assegurada com os 49 por cento de votos que pode chegar a ter, face aos 34 por cento antecipados para o Partido Democrata de Lulzim Basha.

Ganhar mais do que 71 lugares parlamentares permitirá aos socialistas avançar nas reformas que permitem acesso à União Europeia, nomeadamente na legislação que visa o combate à corrupção política, e cujo processo de adesão a Albânia quer começar em 2018.


Estas eleições são vistas como a tomada de credenciais democráticas por parte do novo governo e estão sob o olhar atento de 300 observadores da Organização de Segurança e Cooperação da Europa.