Última hora

Na meia-final da Taça das Confederações entre a Alemanha e o México, os mexicanos vão tentar explorar as falhas defensivas da seleção campeã do Mundo, que os alemães evidenciaram nos jogos contra a Austrália e os Camarões. Se a defesa, através de Bernd Leno ou Marc-André ter Stegen, não tem estado à altura, já o ataque parece ser o forte dos alemães. Leon Goretzka, Lars Stindl e Timo Werner já assinaram golos nesta taça. Werner parece ser o subsituto ideal de Miroslav Klose na frente de ataque alemã.

O México apresenta-se como única equipa em prova que já venceu uma edição anterior – foi em 1999. As estrelas da equipa são Javier Hernández, Giovani dos Santos, Andrés Guardado ou ainda Hirving Lozano, o jovem de 21 anos que assinou um dos golos contra a Rússia e acaba de se juntar a Guardado na equipa campeã da Holanda, o PSV Eindhoven.