Última hora

Última hora

Judo: Bernadette Graf e Lukas Krpalek vencem no Grande Prémio de Hohhot

No terceiro e último dia do Grande Prémio de Judo de Hohhot, China, vimos campeões olímpicos e mundiais a dominar.

Em leitura:

Judo: Bernadette Graf e Lukas Krpalek vencem no Grande Prémio de Hohhot

Tamanho do texto Aa Aa

No terceiro e último dia do Grande Prémio de Judo de Hohhot, China, vimos campeões olímpicos e mundiais a dominar.

A mulher do dia foi a austríaca Bernadette Graf. A tripla medalha de bronze em Campeonatos da Europa, ganhou o ouro em -78 Kg, uma categoria acima da qual costuma competir -70Kg, com um “ippon” espetacular sobre a holandesa Karen Stevenson.

O momento é de vitória mas o foco da judoca de 25 anos já começa a ser direcionado para o Campeonato do Mundo que acontece em Budapeste, na Hungria, entre 28 de agosto e 3 de setembro

“A primeira fase da preparação para Budapeste será feita nas montanhas, na Áustria, com ciclismo, caminhadas e natação. Depois vamos duas semanas para o Japão, para o centro nacional de treino, para terminar a preparação,” revelou Bernadette Graf

O homem do dia foi o checo Lukas Krpalek, por duas vezes ele foi obrigado a vir de trás até encontrar o caminho para o ouro. O campeão olímpico em -100 Kg no Rio de Janeiro, competiu em +100Kg e somou mais uma medalha de ouro do circuito mundial.

Na meia-final com o russo Andrey Volkov, o checo recupera de uma desvantagem de “waza-ari” através de outro “waza-ari” e termina com “ippon”.

Na final com o mongol Duurenbayar Ulziibayar, o judoca checo parece ter usado, novamente, o facto de estar em desvantagem para encontrar o caminho até ao ouro. Ao “waza-ari” de Ulziibayar, Krpalek responde com outro “waza-ari” e um “ippon” que lhe dá a vitória na competição.

“Quando vi que tinha de recuperar do “waza-ari”, eu sabia que tinha que dar tudo por tudo para conseguir a vitória. Estou muito feliz com a minha vitória,” afirmou Lukas Krpalek

Na final de -100Kg, o Campeão do Mundo em título, o japonês Haga Ryunosuke, venceu o russo Kiriil Denisov.

Em -90kg, o russo Khusen Khalmurzaev venceu o número 1 do mundo e Campeão Europeu, Aleksandar Kukolj, da Sérvia.

Na competição feminina, em +78 kg, a vitória foi conquistada pela judoca Han Mi Jin, da Coreia do Sul, que bateu a ucraniana Yelyzaveta Kalinina na final.