Última hora

Em leitura:

G20: Merkel faz apelo em manhã marcada pelo aperto de mão de Trump a Putin


Alemanha

G20: Merkel faz apelo em manhã marcada pelo aperto de mão de Trump a Putin

Começou esta sexta-feira de manhã, em Hamburgo, na Alemanha, a cimeira de líderes das 20 maiores economias do mundo. O combate ao terrorismo será o tema principal desta reunião, mas também a luta contra as alterações climáticas deverá ser um dos temas quentes sobre a mesa.

A chanceler Angela Merkel deu as boas vindas aos homólogos e, sublinhou, no discurso de abertura, que milhões de pessoas esperam que os líderes do G-20 consigam encontrar o caminho para solucionar os problemas do mundo.


Um dos lideres mais aguardados era, claro, Donald Trump, e um dos momentos de maior expectativa, o primeiro aperto de mão entre o Presidente dos Estados Unidos e o homólogo da Rússia, Vladimir Putin. “Estou ansioso por todas as reuniões de hoje com os líderes mundiais, incluindo o encontro com Vladimir Putin. Há muito a discutir”, escreveu Trump no Twitter.


O momento aconteceu nos bastidores, perante olhar do presidente da Comissão europeia, Jean-Claude Juncker, foi registado em vídeo pelo gabinete federal alemão e partilhado na respetiva página oficial do organismo germânico no Facebook.


A primeira-ministra britânica, Theresa May, é outra das figuras presentes sobre quem recaem muitas atenções. Em especial depois do aviso sobre o “Brexit” que partiu quinta-feira de Bruxelas, pelo negociador da União Europeia para o “divórcio” em curso entre os britânicos e o bloco europeu.

Na habitual foto de família realizada no início dos trabalhos do G20, em Hamburgo, ressaltou ainda a deslocação de Emmanuel Macron do meio do grupo para junto de Trump, numa das pontas.



Após o registo para a posteridade, os presidentes francês e americano, que deram que falar pelos respetivos apertos de mão em maio passado, ficaram a conversar à parte.