Última hora

Última hora

Balanço após os protestos contra a cimeira do G20

Os protestos no seguimento da cimeira do G20 em Hamburgo, na Alemanha, deixaram um número ainda indeterminado de feridos.

Em leitura:

Balanço após os protestos contra a cimeira do G20

Tamanho do texto Aa Aa

Os protestos no seguimento da cimeira do G20 em Hamburgo, na Alemanha, deixaram um número ainda indeterminado de feridos. Depois dos ânimos terem acalmado as autoridades alemãs fazem contas aos estragos provocados pelo aumento das tensões entre os manifestantes mais radicais – que espalharam violência e deixaram o centro da cidade em estado se sítio.

O Presidente alemão, disse que as imagens que viu são chocantes e que o deixaram sem palavras. Mas que são o motivo pelo qual ele está presente para agradecer a todos os que fizeram face a esta onda de violência.

A polícia usou canhões de água para tentar dispersar os manifestantes. Depois do fim da cimeira dos líderes das 20 maiores economias do mundo houve registo de automóveis incendiados, lojas invadidas, barricadas e destruição nas ruas de Hamburgo.