This content is not available in your region

Mossul está libertada (oficial)

Access to the comments Comentários
De  Euronews
Mossul está libertada (oficial)

<p>É oficial: Mossul está libertada das mãos do grupo Estado Islâmico. A declaração foi proferida pelo primeiro-ministro iraquiano, Haider al-Abadi, através de um comunicado emitido pelo seu gabinete. “O comandante em chefe das forças armadas, Haider al-Abadi, chegou à cidade libertada de Mossul e felicitou os combatentes heróicos e o povo iraquiano pela grande vitória”, refere o comunicado</p> <p>Vários soldados iraquianos tinham já celebrado no sábado a vitória da reconquista da cidade aos jiadistas.</p> <p>Os membros do exército iraquiano foram vistos a dançar ao som de um rádio de um camião por vários jornalistas no terreno.</p> <p>No entanto, as forças Federais iraquianas não tinham ainda emitido qualquer declaração oficial de vitória sobre os militantes do Estado Islâmico.</p> <p>Os exercito iraquiano tem recebido o apoio logístico e financeiro de uma coligação internacional liderada pelos Estados Unidos.</p> <p>Os jiadistas do <em>Daesh</em> disseram, no entanto, que iriam “lutar até à morte”.<br /> <br /> <strong>Cerca de um milhão de deslocados</strong><br /> <br /> Uma vez anunciada a tomada da cidade, é preciso saber o que fazer com os habitantes. </p> <p>A ocupação de Mossul por parte dos jiadistas durante cerca de três anos deixou mais de um milhão de deslocados, depois de meses de combate contra o exército de Bagdade. </p> <p>Muitos têm passado os últimos meses em campos fora dos limites da cidade, à mercê do calor que se faz<br /> sentir na região.</p>