Última hora

Última hora

Ainda há combates em Mossul

Em leitura:

Ainda há combates em Mossul

Tamanho do texto Aa Aa

Apesar da celebração da vitória sobre o Estado Islâmico, na cidade de Mossul há ainda combates.

Bolsas de combatentes jihadistas dispersos pela cidade continuam a lutar contra as forças iraquianas. O exército divulgou imagens de grupos que se rendem, no centro histórico de Mossul.

Em Bagdade, o governo iraquiano reuniu-se pela primeira vez desde que foi anunciada a libertação de Mossul.

O primeiro-ministro, Haidar al-Abadi, disse que o executivo está a “implementar um programa completo, não apenas em Mossul, mas em toda a província de Nineveh, para permitir o regresso dos refugiados e garantir a segurança das populações, tal como foi feito em Anbar e noutras provícias e assegurar que o Estado Islâmico (EI) não poderá voltar a estas regiões”.

Três dias depois da reconquista oficial da cidade, a jovem paquistanesa, Prémio Nobel da Paz, Malala Yousafzai visitou o campo de refugiados de Hassan Sham a norte de Mossul, com a mesma mensagem de sempre, o apelo à educação das crianças.

Mala Yousafzai celebrou neste 12 de julho, 20 anos. Todos os anos, no dia do seu aniversário, visita crianças num país diferente. Este ano, a escolha recaiu sobre as que fugiram da guerra, em Mossul.