Última hora

Em leitura:

"Breves de Bruxelas": ameaças à Polónia e controvérsia sobre glifosato


A redação de Bruxelas

"Breves de Bruxelas": ameaças à Polónia e controvérsia sobre glifosato

O artigo 7º do Tratado da União Europeia é, por vezes, referido como uma “bomba atómica”, porque pode levar à suspensão dos direitos de voto no Conselho Europeu, que reúne os líderes dos Estados-Membros.

A Polónia enfrenta uma tal ameaça devido às reformas do sistema judicial, que põem em causa os princípios fundamentais da União Europeia. O argumento foi apresentado, quarta-feira, pelo vice-presidente da Comissão Europeia, Frans Timmermans.

Neste programa que passa em revista a atualidade europeia diária destacamos, ainda, a controvérsia sobre o glifosato.

Nos últimos cinco meses, 1,3 milhões de pessoas de vários Estados-Membros da União Europeia assinaram uma petição a favor da proibição deste herbicida, usado principalmente para matar ervas daninhas.

A Organização Mundial da Saúde diz que é potencialmente cancerígeno, pelo que várias organizações não-governamentais exigem que seja banido e organizaram um protesto, em Bruxelas, antes de discussões técnicas sobre o tema, na Comissão Europeia.

Para terminar, recordamos que, após quatro dias de discussão, a segunda ronda de negociações sobre o Brexit termina, quinta-feira, com uma conferência de imprensa.

Michel Barnier, pela Comissão Europeia, e David Davis, pelo Reino Unido, apresentarão os progressos obtidos até agora.

Bruxelas fez ultimato à Polónia por causa da reforma do sistema judicial

A redação de Bruxelas

Bruxelas fez ultimato à Polónia por causa da reforma do sistema judicial