Última hora

Em leitura:

As reações à morte do vocalista dos Linkin Park


Cult

As reações à morte do vocalista dos Linkin Park

O mundo da música e das artes reagiu com pesar à morte do vocalista dos Linkin Park. Chester Bennington tinha 41 anos e ter-se-á suicidado. O músico norte-americano tinha tido problemas com álcool e drogas durante vários anos, depois de uma infância marcada pelos abusos sexuais e pelo abandono.

Os cantores Billy Idol e Rihanna foram alguns dos nomes da indústria da música que lamentaram a morte do artista nas redes sociais, saudando o seu imenso talento.

Os atores Channing Tatum e Pedro Pascal mostraram-se chocados.

“Sou fã da banda e encontrei o Chester um par de vezes. É horrível. Não sei o que dizer. Estas coisas são terríveis”, desabafou o ator norte-americano Channing Tatum.

“Afetou-me bastante. Todos os dias há notícias loucas”, disse o ator chileno Pedro Pascal.

Formados no final dos anos 90, os Linkin Park tornaram-se célebres nos anos 2000 graças a vários singles do álbum “Hybrid Theory”. A banda de metal alternativo misturava elementos do heavy metal com hip pop.

Os Linkin Park tinham lançado recentemente o sétimo álbum de estúdio, “One More Light”.

Escolhas do editor

Artigo seguinte
"Jóias" de Balanchine reluzem em Nova Iorque

Cult

"Jóias" de Balanchine reluzem em Nova Iorque