Última hora

Em leitura:

Mais de 10 mil pessoas obrigadas a deixar casas por causa de incêndio


França

Mais de 10 mil pessoas obrigadas a deixar casas por causa de incêndio

De férias na residência de verão, a família grão-ducal do Luxemburgo está entre o grupo de mais de dez mil pessoas que foram desalojadas na madrugada desta quarta-feira por causa de um incêndio que consumiu 800 hectares na localidade de Bormes-les-Mimosas, no sul de França.

O vento, as altas temperaturas e o terreno seco servem de combustível para a progressão voraz do fogo no terreno.

Algumas pessoas passaram a noite na praia, outros encontraram apoio em abrigos.

Este fogo teve início por volta da meia-noite e progrediu de Londe-Les-Maures para Cap Bénat, na região de Var, informaram os bombeiros.

Há dois dias que o sudeste de França, entre Toulon e Saint Tropez, é castigado pelas chamas.

Mais de quatro mil bombeiros, que denunciam falta de meios, e tropas estão mobilizados para o combate aos incêndios na região.