This content is not available in your region

Bruxelas sanciona Moscovo por turbinas na Crimeia

Access to the comments Comentários
De  Euronews
Bruxelas sanciona Moscovo por turbinas na Crimeia

<p><strong>Com agências</strong></p> <p>Novas <strong>sanções</strong> Europeias à Federação Russa. A Comissão Europeia centrou-se em <strong>três pessoas</strong> em particular e em <strong>três empresas</strong>. </p> <p>A decisão relaciona-se com o alegado desvio de quatro turbinas gás para o a Crimeira, cuja integração em território russo é vista por Bruxelas e Washington como uma <strong>anexação</strong>.</p> <p>A integração da peninsula da crimeia na russia <strong>não é reconhecida</strong> pela Comunidade Internacional.</p> <p>Entre os afetados pelas medidas encontram-se o vice ministro russo da <strong>Energia</strong>, o diretor da empresa que comprou as turbinas e um chefe de serviço do <strong>Ministério da Energia</strong>. </p> <p>Ficam impedidos de viajar para a <strong>União Europeia *e os ativos que dispõem em território comunitário ficam congelados. As turbinas tinham sido vendidas pela empresa alemã *Siemens</strong> para serem utilizadas na Rússia e a transferência das mesas para a Crimeia viola as condições de venda.</p>