Última hora

É proibido pedir esmola na Guiné-Bissau

A ordem partiu do primeiro-ministro, Sissoco Embaló.

Em leitura:

É proibido pedir esmola na Guiné-Bissau

Tamanho do texto Aa Aa

É proibido pedir esmola na Guiné-Bissau continental. Qualquer criança ou jovem, incluindo talibés, que sejam apanhados a mendigar serão detidos e enviados para as ilhas.

A ordem partiu do primeiro-ministro, Sissoco Embaló, durante uma viagem recente ao interior do país mas só agora está a ser veiculada pelas rádios locais.

O talibé é geralmente uma criança do sexo masculino que pede esmola pelas ruas de Bissau e de algumas cidades do interior por ordens do mestre corânico.

Embaló, muçulmano, afirmou que considera “uma vergonha” que muitos pais enviem os filhos “para a mendicidade pelas ruas em nome do Islão”.

O chefe do Executivo advertiu os pais que não tiverem recursos a entregar os filhos ao Estados de modo a evitar que peçam esmola.

Com: Lusa