Última hora

Atentado em Barcelona: testemunha na primeira pessoa

Uma carrinha irrompeu por uma das mais turísticas zonas de Barcelona. 13 mortos

Em leitura:

Atentado em Barcelona: testemunha na primeira pessoa

Tamanho do texto Aa Aa

Treze mortes confirmadas e mais de 50 feridos, esta quinta-feira, quando uma carrinha irrompeu pela multidão veraneante em Barcelona.

David Vega, jornalista, testemunha na primeira pessoa:

“Estamos no palácio da Virreina, nas Ramblas. Somos cerca de cem pessoas, mais ou menos. Este edifício tem dois pisos, há pessoas no de cima e no de baixo.

Há crianças e muitos turistas lá dentro.

Estamos lá, a preparar-nos para sair. Ouvimos barulho, das cadeiras, de pessoas a gritar. De repente as pessoas correm na nossa direção, para entrar no restaurante. Agora estamos todos lá dentro e não sabemos quando podemos sair, não temos informação.

Ouvimos um som muito forte, não sei se foi um tiro, a carrinha ou apenas pânico geral. Eu estava mesmo â entrada do palácio mas não consegui ver o que foi.

Há muitos turistas aqui. Nós, eu e os meus amigos, somos dos poucos espanhóis no edifício. Temos vídeos e há fotos a circular, mas há aqui muitas crianças e não queremos assustá-las. Estamos bem, de momento.”