Última hora

Autoridades suspendem buscas na Suíça

Desapareceram, quase por completo, as esperanças de encontrar sobreviventes da derrocada.

Em leitura:

Autoridades suspendem buscas na Suíça

Tamanho do texto Aa Aa

As buscas para encontrar oito pessoas desaparecidas depois de um deslizamento de terras na Suíça foram suspensas, sem que tenha sido encontrado qualquer corpo ou sobrevivente. Já não há, praticamente, esperanças de encontrar com vida os quatro alemães, dois suíços e dois austríacos que desapareceram enquanto faziam uma caminhada nesta região dos Alpes, junto à fronteira entre a Suíça e a Itália. As autoridades acreditam que o grupo tenha ficado soterrado pela lama no desastre que aconteceu na última quarta-feira, na aldeia de Bondo, no cantão de Graubuenden. Mais de 100 pessoas têm participado nas buscas desde então.

Na sexta-feira, um novo aluimento veio diminuir as hipóteses de encontrar o grupo. Este novo desastre aconteceu numa área que tinha já sido evacuada.

Um geólogo esteve a inspecionar o local, a partir de um helicóptero e concluiu que é provável que o fenómeno se venha a repetir nos próximos dias, o que precipitou a decisão de parar as buscas. Quanto às causas, o derretimento de gelo acumulado no cume da montanha terá sido apenas um dos fatores a provocar a derrocada. A mudança gradual na estrutura da montanha terá tido um papel mais importante, segundo os peritos.