Última hora

5 mil refugiados Rohingya chegam ao Bangladesh

O conflito voltou a eclodir na passada sexta-feira e rapidamente se intensificou, com ofensivas em larga escala por parte do exército birmanês.

Em leitura:

5 mil refugiados Rohingya chegam ao Bangladesh

Tamanho do texto Aa Aa

António Guterres, o secretário-geral da ONU, lançou o apelo ao acolhimento e a verdade é que não param de chegar deslocados da minoria Rohingya que procuram refúgio no Bangladesh.

Estima-se que mais de 5 mil pessoas já tenham atravessado a fronteira para escapar aos confrontos no Estado birmanês de Rakhine entre os insurgentes desta minoria muçulmana e as forças de segurança. “Não estava lá quando levaram o meu marido e o mataram. Assassinaram o meu marido e o meu genro”, dizia-nos uma refugiada.

Também os habitantes budistas desta região procuram abrigo para fugir da violência que já provocou mais de uma centena de mortos. “Quando me vi no meio dos confrontos, julguei que ia morrer. Não posso correr muito por causa do meu joelho. Ficaram alguns idosos na aldeia. Nós só conseguimos trazer as crianças”, afirma outra refugiada.

O conflito voltou a eclodir na passada sexta-feira e rapidamente se intensificou, com ofensivas em larga escala por parte do exército birmanês. A questão da marginalização dos Rohingya, que não têm direito à cidadania birmanesa, é um dos principais desafios da líder Aung San Suu Kyi.