Última hora

Síria ainda sonha com a Rússia

Síria empata frente ao Irão de Carlos Queiroz e continua a sonhar com o Campeonato do Mundo

Em leitura:

Síria ainda sonha com a Rússia

Tamanho do texto Aa Aa

Há já muito tempo que Damasco não vivia uma noite assim. Milhares de sírios esqueceram por momentos as dificuldades do dia-a-dia e saíram para a rua para festejar o apuramento para o play-off asiático de acesso ao Campeonato do Mundo de futebol.

O sonho da Síria começou a ser escrito em Teerão, quando Haj Mohamad silenciou o imponente Estádio Azadi logo aos 13 minutos.

O Irão de Carlos Queiroz, já com passaporte carimbado para a Rússia, deu a volta ao marcador com dois golos de Sardar Azmoun. O atacante do Rubin Kazan terminou a fase de qualificação com onze golos apontados.

A Síria ficou a escassos segundos da eliminação mas no último minuto dos descontos, Omar Al Somah manteve o sonho vivo com o seu primeiro golo pela equipa nacional. Apesar dos festejos, ainda há um longo caminho até chegar à Rússia.

Segue-se uma eliminatória com a Austrália e o vencedor defrontará um representante da América do Norte, Centro e Caraíbas na luta pela última vaga no mundial. A vida nunca foi fácil na Síria.