Última hora

Última hora

Recomeça julgamento dos jornalistas do Cumhuriyet

Os acusados enfrentam penas de até 43 anos de prisão por alegados vínculos com o PKK e com o movimento do clérigo Fetthullah Gülen.

Em leitura:

Recomeça julgamento dos jornalistas do Cumhuriyet

Tamanho do texto Aa Aa

O processo contra 17 jornalistas e membros da direção do jornal turco Cumhuriyet retomou esta segunda-feira nos arredores de Istambul.

Em causa estão acusações de “colaboração com organizações terroristas” tendo como alvo o presidente Recep Tayyip Erdogan.

No exterior do tribunal vários membros do partido social-democrata CHP e do pró-curdo HDP organizaram uma manifestação pela liberdade de imprensa.

Os acusados enfrentam penas de até 43 anos de prisão por alegados vínculos com o PKK – o Partido dos Trabalhadores do Curdistão – e ainda com o movimento do clérigo Fetthullah Gülen, o opositor de Erdogan a quem é atribuído o golpe de Estado falhado de julho de 2016.