Última hora

Défice orçamental baixa para 1,9% do PIB

Défice orçamental do primeiro semestre cifra-se nos 1,9% do PIB, contra os 3,1% do ano passado

Em leitura:

Défice orçamental baixa para 1,9% do PIB

Tamanho do texto Aa Aa

O défice orçamental do primeiro semestre de 2017 em Portugal diminuiu relativamente ao período homólogo do ano passado e cifrou-se nos 1,9% do Produto Interno Bruto, contra os 3,1% registados em 2016. Apesar do número ainda se encontrar aquém da meta estabelecida pelo governo para este ano, 1,5%, verificou-se também uma melhoria relativamente ao primeiro trimestre, quando o défice tinha representado 2% do PIB.

De acordo com o Instituto Nacional de Estatística, a evolução do défice deveu-se a um aumento da receita, nomeadamente no que diz respeito aos Impostos sobre a produção e a importação e ao IVA, e a uma redução da despesa, onde a diminuição da despesa corrente conseguiu anular o aumento da despesa com o pessoal.

Para o Ministro das Finanças, Mário Centeno, estes números comprovam a credibilidade da estratégia orçamental do atual governo.