Última hora

Três candidatos à organização do Mundial de râguebi em 2023

África do Sul, Irlanda e França são os três candidatos a acolher elite do râguebi em 2023

Em leitura:

Três candidatos à organização do Mundial de râguebi em 2023

Tamanho do texto Aa Aa

2023 será um ano especial no râguebi. Exatamente duzentos anos depois da invenção da modalidade por Webb Ellis, será também o ano da décima edição do Campeonato do Mundo, onde a elite do râguebi mundial irá lutar pela Taça Webb Ellis.

África do Sul, Irlanda e França são os três candidatos a acolher o torneio. O país africano tem um rico historial na modalidade e já acolheu a competição em 1995. Viria a levantar o troféu mas essa edição ficará para a história pela vitória contra o apartheid.

A França recebeu o torneio em recentemente, em 2007. Venceu novamente a África do Sul num Campeonato do Mundo marcado pela histórica presença da seleção portuguesa.

A Irlanda é a única candidata que nunca organizou a competição e aposta forte na hospitalidade. É essa a principal conclusão a reter nas palavras do antigo capitão, Brian O’Driscoll:

“Terão um jogo duro quando defrontarem a equipa da casa mas também terão de beber um copo no fim. O espírito de camaradagem torna o râguebi num grande desporto e a Irlanda é o melhor exemplo. Todas as características necessárias para levar a modalidade para a frente podem ser encontradas na Irlanda.”

A decisão da Federação Internacional de Râguebi será conhecida a 15 de novembro.