Última hora

Secretário da Saúde de Donald Trump demite-se

O secretário da Saúde dos Estados Unidos da América, Tom Price, apresentou a demissão, na sexta-feira, no seguimento de um escândalo devido ao uso de aviões privados para as deslocações oficiais.

Em leitura:

Secretário da Saúde de Donald Trump demite-se

Tamanho do texto Aa Aa

A administração de Donald Trump sofreu mais uma baixa.

Segundo a Casa Branca, o secretário da Saúde dos Estados Unidos da América, Tom Price, apresentou a demissão, na sexta-feira, no seguimento de um escândalo devido ao uso de aviões privados para as deslocações oficiais.

Em causa estão cerca de 24 viagens privadas, com um custo a ascender aos 400 mil dólares (cerca de 340 mil euros), pagas com dinheiros públicos.


Segundo a Reuters, Price terá sido pressionado pelo presidente para se demitir. Uma hora antes do anúncio, Donald Trump afirmava, perante os jornalistas, estar desapontado com secretário da Saúde.

Price terá prometido ressarcir cerca de 52 mil dólares (perto de 44 mil euros) mas isso chegou para aplacar o descontentamento de Trump.

O antigo advogado de ética da administração Bush, Richard Painter, refere que “o problema é que temos vários funcionários do gabinete que usaram aeronaves privadas da mesma maneira, incluindo o Secretário do Tesouro, o administrador da Agência de Proteção Ambiental, e, claro, temos o próprio Presidente, que quer ir até Mar-a-Lago alguns fins de semana no inverno. Essas viagens podem custar cerca de um milhão, cada uma.”

Quando chegou ao cargo, Tom Price assumiu como principal prioridade a revogação do Obamacare, o programa de saúde criado por Barack Obama.

Para secretário da Saúde, Donald Trump nomeou, interinamente, Don Wright, até agora subsecretário adjunto de Price e diretor do gabinete de prevenção de doenças e promoção da saúde.