Última hora

Última hora

Fukushima: Governo e operador da central nuclear condenados a pagar 3,8ME

Decisão foi tomada por um tribunal japonês e dinheiro deve ser distribuído pelos milhares de antigos residentes na zona de Fukushima

Em leitura:

Fukushima: Governo e operador da central nuclear condenados a pagar 3,8ME

Tamanho do texto Aa Aa

Cerca de 3,8 milhõesl de euros que devem ser distribuidos pelos milhares de antigos residentes na zona de Fukushima. A decisão foi tomada por um tribunal japonês. A indemnização deve ser paga pelo o governo nipónico e pelo operador da central nuclear.

O juiz considerou deu razão aos queixosos e considerou que houve negligência por parte do governo, uma vez o executivo e a Tokyo Electric Power Co., já tinham previsto que podia ocorrer um tsunami e que uma onda maior podia atingir a central nuclear. E mesmo sabendo disso, não tomaram as medidas necessárias.

Esta decisão da justiça é divulgada em plena campanha para as eleições legislativas antecipadas e pode prejudicaro atual primeiro-ministro conservador, Shinzo Abe. Recorde-se que em março de 2011, um sismo de magnitude 9,0 na escala de Richter fez cerca de 18.000 mortos e desaparecidos tendo provocado um desastre na central nuclear de Fukushima, onde três reatores entraram em fusão.

Este foi o pior acidente nuclear da história desde o desastre na central soviética de Chernobyl (na Ucrânia) em 1986.