Última hora

Última hora

Carles Puigdemont na mira da justiça espanhola

Em leitura:

Carles Puigdemont na mira da justiça espanhola

Tamanho do texto Aa Aa

“Puigdemont para a prisão” foi um dos muito slogans que se ouviram em Barcelona. O fim-de-semana na Catalunha ficou marcado pelas manifestações de centanas de milhar de pessoas, pedindo a unidade de Espanha. É o grito de uma parte da sociedade catalã que pouco se tinha manifestado. À margem da manifestação houve alguns confrontos de extremistas com a polícia.

A semana promete ser intensa, como refere o enviado da Euronews a Barcelona, Francisco Fuentes.

“Esta multidão que marcha a favor da unidade de Espanha abre uma semana intensa, no plano político, para observar os movimentos do soberanismo catalão e, no plano judicial, com as primeiras iniciativas contra os responsáveis da declaração unilateral de indepenência.

Na mira da justiça estão Carles Puigdemont, os membros do governo, assim como toda a mesa do parlamento.

O presidente destituído, que apoiou a vitória do Girona, o seu clube, contra o Real Madrid, este domingo, viu nela um exemplo e uma referência para muitas situações e escreveu-o num tweet.

Um espírito combativo que pretende manter. Apesar do artigo 155 e de ter sido afastado, Puigdemont diz que vai trabalhar esta segunda-feira como é normal.