Última hora

Última hora

Lushsux manda beijos ao mundo

O grafitti de Lushsux foi apagado, mas o beijo entre Trump e Netanyahu ficou pintado na memória do mundo.

Em leitura:

Lushsux manda beijos ao mundo

Tamanho do texto Aa Aa

Um beijo, inesquecível, como o primeiro.

Um beijo entre o presidente dos EUA, Donald Trump, e o primeiro-ministro israelita, Benjamin Netanyahu, pintado num muro na Cisjordânia – em Belém.

Com esta obra, o artista australiano Lushsux quis chamar a atenção do mundo para a situação dos palestinianos a viver numa “prisão interna”.

Lushsux disse que o muro é uma mensagem por si só – e defende o graffiti como uma tomada de consciência para o problema.

O muro erguido por Israel na Cisjordânia é uma cicatriz de um conflito que se estende há décadas. Os israelitas argumentam que é um meio de defesa para evitar ataques palestinianos. Por sua vez, os palestinianos denunciam a invasão e a apropriação de um território histórico.

https://static.euronews.com/articles/39/85/398579/670×460_bonus-3010-trump-netanyahu-kiss-westbank4.jpg

Não é a primeira vez que Lushsux manda beijos ao mundo; utiliza os muros como meio de denúncia e assina com uma a “tag” da irreverência.