Última hora

Última hora

Jovem sírio preparava atentado na Alemanha

Segundo as autoridades, o jovem é movido pela ideologia islamita, mas não há prova de ligações a grupos terroristas.

Em leitura:

Jovem sírio preparava atentado na Alemanha

Tamanho do texto Aa Aa

A polícia alemã deteve em Schwerin, no norte do país, um sírio de 19 anos, acusado de estar a preparar um atentado com explosivos. Segundo a procuradoria, o jovem, de nome Yamen, tinha já feito vários preparativos para um atentado com material altamente explosivo, com o intuito de fazer o número mais alto possível de vítimas. Ainda segundo as autoridades, o jovem é movido pela ideologia islamita, mas não há prova de ligações a grupos terroristas. Também não se sabe que local pretendia atingir com o atentado.

“Já no final de julho de 2017, o acusado tinha comprado componentes eletrónicos e químicos através de uma empresa de vendas por internet. Comprou, nomeadamente, ácido sulfúrico e uma solução que contém peróxido de hidrogénio. Ambos os produtos químicos, juntamente com a acetona, entram na composição do TATP, um material altamente explosivo”, explica Frauke Köhler, porta-voz do gabinete do Procurador Federal alemão.

A polícia fez buscas na casa de Yamen e nos apartamentos de outras pessoas que, segundo as autoridades, não são suspeitas de envolvimento direto.

A notícia chega numa altura em que a chanceler Angela Merkel tenta formar uma coligação de governo. A política de portas abertas, que ditou a entrada de um milhão de pessoas, incluindo um grande número de refugiados sírios, nos últimos dois anos, é vista como um fatores responsáveis pela perda de votos dos partidos tradicionais para o partido anti-imigração Alternativa para a Alemanha, que pela primeira vez elegeu deputados ao Parlamento Federal.