Última hora

Última hora

Trump: "O tempo da paciência estratégica acabou"

A visita ao primeiro-ministro Shinzo Abe, em Tóquio, teve como pano de fundo o incontornável tema da Coreia do Norte.

Em leitura:

Trump: "O tempo da paciência estratégica acabou"

Tamanho do texto Aa Aa

O périplo asiático de Donald Trump levou-o a confrontar-se com as histórias de vários cidadãos japoneses que terão sido sequestrados pelo regime norte-coreano. Pyongyang assumiu que foram intercetados de facto 13 japoneses nos anos 70 e 80, mas que todos eles foram entretanto libertados ou já morreram. No entanto, esta visita ao primeiro-ministro Shinzo Abe, em Tóquio, teve como pano de fundo o incontornável tema da Coreia do Norte.

O presidente americano declarou que “o tempo da paciência estratégica acabou. Há quem diga que a minha retórica é demasiado dura, mas vejam o que aconteceu nos últimos 25 anos, quando a retórica era fraca”.

E Abe veio reforçar a ideia: “todas as opções” estão em cima da mesa, afirmou, salientando que Washington e Tóquio estão “100%” em sintonia sobre esta questão.

Neste segundo dia de visitas, o presidente americano, acompanhado de Melania Trump, encontrou-se também com o Imperador Akihito e a Imperatriz Michiko.