This content is not available in your region

Saad Hariri: De Riade para Paris sem passar por Beirute

Access to the comments Comentários
De  Euronews
Saad Hariri: De Riade para Paris sem passar por Beirute

<p>O presidente francês, Emmanuel Macron, <a href="http://www.lefigaro.fr/international/2017/11/15/01003-20171115ARTFIG00345-emmanuel-macron-invite-saad-hariri-et-sa-famille-en-france.php">convidou o ex-primeiro-ministro do Líbano, Saad Hariri</a> e a família para passarem uns dias em França. <a href="http://www.leparisien.fr/faits-divers/crise-politique-au-liban-la-france-veut-sauver-saad-hariri-15-11-2017-7393341.php">Paris tenta mediar a tensão crescente</a> entre a influência iraniana e saudita em território libanês.</p> <p>“Precisamos de um Líbano forte, de uma integridade territorial no Líbano e precisamos de ter dirigentes livres de fazer as suas escolhas e de exprimi-las. Encontrei-me com o príncipe herdeiro, Mohammed Bin Salman e com o primeiro-ministro Saad Hariri e decidimos que eu o convidaria para vir alguns dias a França com a família, disse.</p> <p>O Líbano vive, de novo, uma profunda crise política.<br /> Saad Hariri surpreendeu ao anunciar a demissão no dia 4 de novembro, a partir da Arábia Saudita, denunciando o controlo total da sociedade libanesa pelo hezbollah xiita, controlado pelo Irão.</p> <p>Rumores sobre a eventualidade de estar retido pelo governo saudita têm corrido nos últimos dias. O presidente libanês, <a href="http://www.bbc.com/news/world-middle-east-41995939">Michel Aoun diz que nada justifica</a> que o chefe do governo não regrese ao Línbano e acusa Riade de o manter em cativeiro.</p>