Última hora

Última hora

Quénia: Supremo valida vitória de Kenyatta

Uhuru Kenyatta vai ser investido presidente do Quénia a 28 de novembro

Em leitura:

Quénia: Supremo valida vitória de Kenyatta

Tamanho do texto Aa Aa

Está confirmada a reeleição de Uhuru Kenyatta. O Supremo Tribunal do Quénia rejeitou os recursos apresentados para invalidar o escrutínio realizado há pouco mais de um mês, organizado após a anulação da votação que decorreu em agosto.

A mais alta instância jurídica do país decidiu validar as presidenciais de outubro por considerar que os recursos não têm fundamento. Os apoiantes do homem que se encontra no poder desde 2013 já se congratularam com a decisão.

Em agosto Kenyatta, de 53 anos, foi declarado vencedor das presidenciais, posteriormente invalidadas pelo Supremo Tribunal e que viriam a ser repetidas em outubro. Um escrutínio boicotado pela oposição e onde o chefe de Estado cessante terá obtido mais de 98 por cento dos votos.

A coligação da oposição – Super Aliança Nacional – insiste que a Comissão Eleitoral não realizou as reformas necessárias para evitar que as irregularidades que levaram à anulação dos resultados das eleições de agosto se repetissem em outubro.