Última hora

Última hora

Apresentador da CBS acusado de assédio sexual

O entrevistador da CBS e PBS, Charlie Rose, foi suspenso após a publicação, pelo Washington Post, de testemunhos de oito mulheres que o acusam de assédio sexual.

Em leitura:

Apresentador da CBS acusado de assédio sexual

Tamanho do texto Aa Aa

O entrevistador da CBS e PBS, Charlie Rose, foi suspenso após a publicação, pelo Washington Post, de testemunhos de oito mulheres que o acusam de assédio sexual. Figura respeitada da televisão nos EUA, Rose, de 75 anos, junta-se a um rol, cada vez maior de celebridades implicadas em escândalos deste tipo.

Segundo o periódico norte-americano, as mulheres são antigas funcionárias ou ex-candidatas a cargos no programa “Charlie Rose”, da PBS, pelo apresentador que trabalhava para o “CBS This Morning” e “60 Minutos”. Acusam-no de chamadas telefónicas obscenas e apalpões, ter-se-á mesmo exibido nu frente a duas delas.

A jornalista responsável por esta matéria diz que o seu endereço de email foi, entretanto, inundado com queixas idênticas, de outras mulheres, contra Charlie Rose que já afirmou, através do Twitter, sentir-se “extremamente envergonhado”.