Última hora

Última hora

Portugal manteve abstenção no glifosato

Portugal foi o único país que voltou a optar pela abstenção na questão do glifosato.

Em leitura:

Portugal manteve abstenção no glifosato

Tamanho do texto Aa Aa

Portugal foi o único país que voltou a optar pela abstenção na questão do glifosato.

Após duas rondas negociais inconclusivas, a Alemanha votou esta segunda-feira a favor da renovação por mais cinco anos da licença do controverso herbicida glifosato, decisão apoiada pela Polónia, Bulgária e Roménia que antes haviam optado pela abstenção.

O Ministério português da Agricultura justificou a abstenção dizendo que os estudos existentes são inconclusivos e que o herbicida em causa não tem aplicação direta sobre os alimentos.

Os 18 países que aprovaram a extensão da licença conseguem assim reunir os requisitos para uma maioria qualificada a qual requer o apoio de pelo menos 55% dos países da UE representando 65% da população.

Os dezoito países que apoiaram esta decisão representam 65,7% da população europeia.