Última hora

Última hora

Doping na Rússia sem fim à vista

Presença da Rússia nos Jogos Olímpicos de Inverno de 2018 em Pyeongchang está cada vez mais em risco

Em leitura:

Doping na Rússia sem fim à vista

Tamanho do texto Aa Aa

Não tem fim à vista o escândalo de doping que tem vindo a abalar as fundações do desporto russo. A denúncia de um esquema com apoio estatal levou o Comité Olímpico Internacional a passar a pente fino as amostras dos Jogos de Sochi, em 2014, e foram revelados os nomes de mais cinco atletas apanhados nas malhas do doping.

Dmitrii Trunenkov e Aleksei Negodailo, membros da equipa de bobsleigh que conquistou a medalha de ouro, Yana Romanova e Olga Vilukhina, biatletas que alcançaram a medalha de prata na estafeta e Sergei Chudino, quinto classificado na prova de skeleton.

O total ascende agora a 19 atletas desqualificados e já custou à Rússia o primeiro lugar na tabela de medalhas nos Jogos de Inverno que organizou e pode muito bem vir a custar a presença em Pyeongchang.