Última hora

Última hora

Vice-PM irlandesa demite-se para evitar queda do governo

Em leitura:

Vice-PM irlandesa demite-se para evitar queda do governo

Tamanho do texto Aa Aa

A vice-primeira ministra irlandesa apresentou esta terça-feira a demissão para evitar a queda do governo conservador e a convocação de eleições antecipadas.

Frances Fitzgerald anunciou a decisão horas antes do parlamento submeter o executivo minoritário a uma moção de censura.

Na base da saída da ministra estão as revelações de que Fitzgerald teria ocultado informações sobre um escândalo de corrupção na polícia nacional durante a sua passagem pelo ministério da Justiça.

Segundo o líder da oposição, Micheál Martin, "isto só podia ser resolvido com a demissão da vice-primeira-ministra. Há um grande número de pessoas no parlamento que não têm confiança nela por causa disto. Nós não queremos eleições antecipadas".

Trata-se da primeira vez que a oposição liberal põe em causa o acordo que permitiu que os conservadores governassem em minoria desde Fevereiro do ano passado.

A saída da número dois do governo evita uma crise política num momento decisivo das discussões sobre o "Brexit", nomeadamente sobre o futuro estatuto da fronteira do país com a Irlanda do Norte, após a saída de Londres da União Europeia.