Última hora

Última hora

Grécia prepara-se para receber Erdogan

É a primeira vez em 25 anos que um presidente turco visita o país grego

Em leitura:

Grécia prepara-se para receber Erdogan

Tamanho do texto Aa Aa

Grécia e Turquia. Só um mar os separa mas as visitas entre governantes não são comuns e as tensões parecem estar longe de terminar. 

Em cima da mesa de trabalhos da reunião entre os dois governantes estará o tema da Crise dos Migrantes, a Relação da Turquia com a União Europeia, a relação do Chipre e a Economia de proximidade. 

Konstantinos Filis, Diretor de Pesquisa de um Instituto de Relações Internacionais, acredita que a visita do governante turco a Atenas serve para tapar o sol com a peneira:

"A Turquia quer aproveitar a presença do presidente turco para mostrar que o país está a deixar o isolamento que sofreu por parte de alguns Estados-Membros da UE, bem como mostrar que quer um novo começo nas relações euro-turcas, isto, sabendo que a turquia parece estar em orbita negativa com os EUA.", disse Konstantinos Filis.

Espera-se que o lado turco exija a extradição dois oito homens que pediram axilo ao governo grego, no ano passado, após o golpe de estado falhado. 

O especialista acredita que tal não irá acontecer: 

"Obviamente que o presidente turco não consegue entender que a Grécia é um país onde o domínio da lei é respeitado, um país em que há separação de poderes. Além disso, quer extraditar as oito pessoas, o que não acredito que vá acontecer, e sustento-me em casos europeus parecidos."

As tensões entre os países não acabam, na semana passada foram detidos, pelas autoriades gregas, nove homens suspeitos de fazerem parte de um grupo terrorista turco.