Última hora

Última hora

Crescem acusações de fraude nas Honduras

Em leitura:

Crescem acusações de fraude nas Honduras

Tamanho do texto Aa Aa

A polícia das Honduras desalojou vários milhares de manifestantes que bloqueavam estradas, em protesto contra o que dizem ser uma fraude eleitoral nas presidenciais. A oposição denuncia a vitória do presidente Juan Orlando Hernández e diz ter provas de manipulação - Acusações corroboradas pela organização não-governamental Human Rights Watch. O diretor para as Américas desta ONG diz haver indícios contundentes de fraude nas eleições de 26 de novembro.

"Juan Orlando Hernández quer ser reeleito, porque o nosso presidente, aquele que foi eleito pelo povo, é Salvador Nasralla. Por isso, as pessoas continuam a luta nas ruas, nos bairros, com barricadas em várias cidades do país", diz Milton Herrera, opositor.

A violência que se seguiu às eleições já fez pelo menos 14 mortos, segundo a Amnistia Internacional, embora as autoridades só reconheçam três - uma mulher e dois polícias. A missão de observadores da Organização de Estados Americanos denuncia também várias irregularidades nas eleições. O Supremo Tribunal Eleitoral ordenou uma recontagem parcial dos votos, mas a oposição exige uma recontagem completa.