Última hora

Última hora

Dois anos do Acordo de Paris assinalados com a One Planet Summit

Em leitura:

Dois anos do Acordo de Paris assinalados com a One Planet Summit

Tamanho do texto Aa Aa

Os Acordos de Paris celebram dois anos. Um aniversário assinalado com a One Planet Summit, esta terça-feira, na capital francesa. 

Uma inciativa com o apoio das Nações Unidas e do Banco Mundial com o objetivo de encontrar formas de financiamento para a luta contra o aquecimento global. 

Vários Estados estão representados ao mais alto nível - esperam-se 50 Chefes de Estado. No entanto, o presidente francês, Emmanuel Macron, um dos anfitriões do encontro, não esquece o abandono do Acordo por parte dos Estados Unidos e da Amdministração Trump.

Num jantar com o enviado especial das Nações Unidas para as Mudanças Climáticas e antigo presidente da Câmara de Nova Iorque, Michael Bloomberg, Macron disse que o abandono da parte dos EUA causou mais união entre as demais partes: 

"Tomada esta decisão, acelerámos os processos de ratificações. Mais países decidiram unir-se ao grupo e ratificar os Acordos de Paris," disse aos jornalistas.

"Foi como um choque para alguns países, o facto de que um Estado tenha decidido deixar o acordo. Agora, esse país está por sua conta e risco", concluiu o presidente francês.

Para além de dezenas de Chefes de  Estado, espera-se também a presença do Secretário Geral das Nações Unidas, António Guterres. 

Os Estados Unidos, por seu lado, fazem-se representar pelo Encarregado de Negócios da embaixada em Paris.