Última hora

Última hora

"República da Catalunha conquistou a monarquia do 155" - Puigdemont

Em leitura:

"República da Catalunha conquistou a monarquia do 155" - Puigdemont

Tamanho do texto Aa Aa

O antigo presidente da Generalitat referiu que o resultado das eleições desta quinta-feira, que deu a maioria aos movimentos separatistas, "pede um novo referendo".

A partir de Bruxelas, onde está exilado, Carles Puigdemont afirmou que os catalães deram uma bofetada ao Governo espanhol de Mariano Rajoy e exigiu que se levante, de imediato, o artigo 155 da Constituição, que suspendeu a autonomia da Catalunha.

"A República da Catalunha conquistou a monarquia do artigo 155. Espero que eles entendam. Eles devem perceber isso. O Estado espanhol foi derrotado. Rajoy e os seus parceiros perderam e levaram uma bofetada dos catalães. Perderam o plebiscito com o qual queriam legalizar o golpe de Estado do artigo 155 ", afirmou Puigdemont.

A número dois da "Esquerda Republicana Catalã", Marta Rovira, afirmou que os catalães votaram República" e "contra o 155". Isto, apesar do partido liderado por Oriol Junqueras, preso por "rebelião", não ter ido além dos 21,40% dos votos, elegendo 32 deputados e falhando o objetivo de vencer o escrutínio.

A "Candidatura de Unidade Popular", de extrema-esquerda, assegurou a eleição de quatro deputados, conquistando 4,45% dos votos. O líder, Carles Riera afirmou que as eleições resultaram numa "maioria republicana" sublinhando, no entanto, que entre os independentistas, a esquerda tem mais deputados do que a direita de Puigdemont.