Última hora

Última hora

ONU endurece sanções contra Coreia do Norte

Em leitura:

ONU endurece sanções contra Coreia do Norte

ONU endurece sanções contra Coreia do Norte
Tamanho do texto Aa Aa

O Conselho de Segurança da Organização das Nações Unidas impôs, por unanimidade, esta sexta-feira, novas sanções à Coreia do Norte.

Proposta pelos Estados Unidos da América, a resolução endurece as sanções internacionais contra o regime de Kim Jong-un. O documento impõe restrições ao envio de produtos petrolíferos para Pyongyang e a repatriação dos norte-coreanos que trabalham no estrangeiro, e cujos rendimentos beneficiam, o Governo do país.

"A resolução de hoje atinge uma redução total de 89% da capacidade do regime de Kim Jon-un de importar gasolina, diesel e outros produtos refinados. Se o regime norte-coreano conduzir outro teste de mísseis nucleares ou balísticos, esta resolução compromete o Conselho de Segurança a tomar ainda mais medidas. Envia a mensagem inequívoca a Pyongyang de que um futuro desafio irá levar a mais punições e isolamento", avisa a embaixadora dos EUA na ONU, Nikki Haley.

A resolução aprovada pelos 15 Estados-membros do Conselho de Segurança da ONU, onde se incluem a a Rússia e a China, o principal parceiro comercial da Coreia do Norte, surge em resposta ao ensaio, no final de novembro, de um míssil balístico intercontinental que poderá atingir o território dos Estados Unidos.