Última hora

Última hora

Celebrações de Natal interrompem confrontos no Médio Oriente

Em leitura:

Celebrações de Natal interrompem confrontos no Médio Oriente

reuters
Tamanho do texto Aa Aa

Estes dias são, para milhões de cristãos em todo o mundo, dias de celebrações. 

Em belém , apesar dos conflitos entre israelitas e palestinianos que têm enchido as ruas, nestes dias,  não houve margem para ódios.

Mas não foi só a cidade onde Jesus Cristo nasceu que tirou o dia para festejar.

Jerusalém, apesar de não esquecer o tema que tem levantado conflitos por todo o mundo também celebrou o Natal. A missa principal foi dirigida pelo patriaca da cidade. 

No Iraque, uma igreja da cidade de Al-Qosh, abriu portas pela primeira vez desde que o estado islâmico foi irradicado.

Já fora do médio Oriente, no Paquistão. a segurança na cidade de Quetta foi reforçada, depois de a uma semana do Natal, uma pequena comuidade paquistanesa cristã ter sido alvo de um ataque.

Apesar das ameças lavantadas, o Natal foi celebrado com a mesma força.