Última hora

Última hora

"A hora mais brilhante" de Gary Oldman

Em leitura:

"A hora mais brilhante" de Gary Oldman

Tamanho do texto Aa Aa

É praticamente irreconhecível que Gary Oldman nos presenteia com um desempenho que está a dar muito que falar. "Darkest Hour" ou "A Hora Mais Negra" retrata o espaço de tempo entre maio e junho de 1940, quando Winston Churchill teve de enfrentar tudo e todos - do seu próprio governo até à casa real - para delinear a estratégia que evitou a derrota britânica na Segunda Guerra Mundial.

Para o realizador Joe Wright, só Oldman podia levar esta missão a bom porto. "Achei que o Gary era a escolha certa para incorporar a essência do papel. Não queria ter alguém que fosse pelo lado caricatural e irascível... Churchill é muitas vezes retratado como alguém que está sempre mal-disposto. Mas eu não olho para ele dessa maneira", declara Wright.

"Antes de mais, Churchill era um enorme escritor. E essa foi a questão primordial do projeto: como é que alguém conseguiu escrever três dos mais importantes discursos políticos da História naquele espaço de quatro semanas?", aponta o realizador.