Última hora

Última hora

Acidente obriga Sunderland a abandonar Rali Dakar

Em leitura:

Acidente obriga Sunderland a abandonar Rali Dakar

Acidente obriga Sunderland a abandonar Rali Dakar
Tamanho do texto Aa Aa

O motard britânico Sam Sunderland (KTM), campeão em título do Rali Dakar, abandonou a prova, esta terça-feira, devido a um acidente na quarta etapa, em San Juan de Marcona, no Peru.

Sunderland, que liderava o rali, caiu na parte final do troço cronometrado da etapa e foi evacuado de emergência devido uma lesão nas costas.

O motard francês Adrien Van Beveren (Yamaha) foi o vencedor da etapa e subiu a lider da geral em motos. O chileno Pablo Quintanilla, numa moto Husqvarna, foi quarto na etapa e, graças ao abandono de Sunderland, subiu a segundo da geral e ficou a 1.55 minutos de Van Beveren.

Nos carros, onde o treinador português Andre Villas-Boas (Toyota) teve de abandonar devido a acidente, a vitória da etapa foi conquistada pelo francês Sebastien Loeb (Peugeot).

Na etapa com 330 quilómetros cronometrados, Stéphane Peterhansel (Peugeot) terminou no terceiro lugar mas segurou a liderança da geral.

O português Carlos Sousa (Renault Duster) esteve em destaque, ao registar o 13.º melhor tempo. O resultado permite ao piloto luso, a cumprir o 18.º Dakar da carreira, subir ao 15.º posto da geral, a 03:48.36 horas do líder.

O francês Cyril Despres (Peugeot) partiu uma roda ao quilómetro 180 e disse adeus à possível vitória final.

O único português ainda em prova é Fausto Mota (Tesla-Tamega Rally), que caiu uma posição na geral, para 63.º.