Última hora

Última hora

Farage quer segundo referendo para reforçar saída da UE

Nigel Farage admite novo referendo que reforce decisão dos britânicos de abandonar União Europeia.

Em leitura:

Farage quer segundo referendo para reforçar saída da UE

Tamanho do texto Aa Aa

Nigel Farage foi um dos maiores defensores da saída do Reino Unido da União Europeia e defende agora a possibilidade de realização de um segundo referendo. Não porque tenha mudado de opinião mas porque acredita que esta seria uma forma de calar aqueles que continuam a opor-se ao Brexit. O político britânico diz-se convicto de que a vitória do Não à permanência no bloco forte do velho continente seria ainda mais expressiva.

Mas a opinião do ex-líder do Partido de Independência do Reino Unido têm mudado constantemente. Antes criticava a realização de novo referendo e afirmava que o executivo britânico devia fazer aquilo que os eleitores decidiram. Mais recentemente, Farage afirmava, à euronews que ainda acreditava na Europa.

Quem vai dizendo que não haverá segundo referendo é Theresa May. Apesar do desapontamento sentido pelo núcleo duro de defensores do Brexit, devido às concessões que o Reino Unido foi obrigado a fazer, o divórcio, diz a chefe do executivo, vai acontecer.