Última hora

Última hora

Chuvas torrenciais provocam cheias em Paris e Lyon

Em leitura:

Chuvas torrenciais provocam cheias em Paris e Lyon

Chuvas torrenciais provocam cheias em Paris e Lyon
Tamanho do texto Aa Aa

Não é todos os dias que se vê Paris debaixo de água. E o pico das cheias do rio Sena ainda não atingiu o máximo previsto, que deverá ser registado este fim de semana, com uma altura estimada entre os 5,80m e os 6,20m.

Continua muito longe do nível histórico alcançado em 1910, com 8,62m, mas mesmo assim já é mais do que suficiente para causar vários constrangimentos. Os barcos turísticos, por exemplo, não podem navegar.

Nos arredores da capital francesa, em Villeuneuve-le-Roi, uma residente dizia-nos que "o abastecimento de eletricidade encontra-se interrompido desde quarta-feira. Não tem sido possível aquecer as casas, nem utilizar frigoríficos, máquinas de lavar, tomar banhos de água quente. Apesar de isto já ter acontecido em 2016, em 2018 continua a ser a mesma coisa".

Também em Lyon as águas galgaram as margens do Ródano. De acordo com os serviços de meteorologia, este último período de dezembro-janeiro foi um dos mais chuvosos desde 1900. A descida das águas irá também levar vários dias. Há ainda 15 departamentos franceses em alerta laranja.