Última hora

Última hora

Protesto na Flórida pede mais controlo na venda de armas

Em leitura:

Protesto na Flórida pede mais controlo na venda de armas

Tamanho do texto Aa Aa

Na Flórida, centenas de pessoas participaram num protesto que pediu uma ação urgente pelo controlo de armas de fogo. A concentração começou com um minuto de silêncio em homenagem às vítimas do tiroteio da última semana numa escola de Parkland.

Hanan Cohen diz que tem medo de ir à escola porque a tragédia aconteceu muito perto da sua casa e porque conhecia várias vítimas.

Alexis Gendron estava na escola na altura do massacre e teve de ser hospitalizada depois do tiroteio. Quer que as pessoas façam alguma coisa para reforçar a segurança nas escolas e prevenir outros ataque como este, mesmo quando não atingem nenhum familiar ou amigo.

Apenas três dias depois do massacre, na cidade vizinha de Miami, mais de 140 vendedores participaram numa feira de armas. Como é habitual depois de um ataque com tiros, aumenta o fosso na sociedade norte-americana entre os amantes das armas e aqueles que exigem um maior controlo nas vendas.