Última hora

Última hora

Sonda Juno revela novos dados do maior planeta do sistema solar

Em leitura:

Sonda Juno revela novos dados do maior planeta do sistema solar

© Copyright :
NASA/JPL-Caltech via REUTERS
Tamanho do texto Aa Aa

Uma sonda da Nasa enviada em missão de pesquisa para Júpiter está a revelar novas descobertas sobre o maior planeta do sistema solar.

Em órbita do quinto planeta mais próximo do sol desde 2016, a sonda Juno tem vindo a realizar medições mais precisas da superfíciede Júpiter.

De acordo com um artigo publicado pela revista Nature, através de imagens registadas pelo espectómetro JIRAM, a bordo da Juno, é possível identificar ciclones nos polos do planeta com ventos a mais de 360 quilómetros/hora.

A pesquisa permitiu ainda perceber que a profundidade da atmosfera de Júpiter, constituído quase a 100% por hidrogénio e hélio, é maior que o imaginado até agora, prolonado-se por quase três mil quilómetros.

É um enigma de quase 50 anos na ciência planetria que está resolvido2, afirmou um dos autores do estudo, Tristan Guillot, da Universidade Côte d'Azur, em França.

Alguns destes fenómenos em Júpiter podem agora ser também observados à distância, a partir de Portugal, pelo telescópio Monteiro da Rocha, inaugurado há poucas semanas pelo Observatório Geofísico e Astronómico da Universidade de Coimbra.

"Dá para ver Saturno com os seus anéis ou uma nebulosa. Permite também ver Plutão, que com o outro [telescópio] não conseguíamos, Neptuno e uma lua de Neptuno", disse à Lusa Nuno Peixinho sobre o novo telescópio português.