Última hora

Última hora

Brasil conquista duas medalhas no primeiro dia do Grande Prémio de Tbilissi

Em leitura:

Brasil conquista duas medalhas no primeiro dia do Grande Prémio de Tbilissi

Tamanho do texto Aa Aa

O primeiro dia do Grande Prémio de Tbilissi, na Geórgia, fez com que o judoca da casa, Vazha Margvelashvili, se tornasse o homem do dia.

A competir em -66Kg, esteve sempre em boa forma durante todo o dia. Depois de um excelente ouchi-gari, usou uma chave de braços para marcar ippon no seu primeiro combate. A vítima foi o israelita Menaged, antes de, na semifinal, enfrentar Lasha Giunashvili, medalha de ouro no ano passado. Um contra-ataque para um segundo waza-ari, colocaram-no na final.

Na final, o seu oponente seria o brasileiro, Daniel Cargnin, o jovem de 22, que anos tinha ganho três das quatro primeiras lutas por ippon, acabou por perder o ouro para o judoca da casa, o que fez o público vibrar.

Na competição feminina, a alemã Theresa Stoll, a competir em -57Kg, foi a nossa mulher do dia.

A jovem judoca alemã surpreendeu a francesa Helene Receveaux com um co-soto-gake, pontuou waza-ari e manteve-se firme na conquista da sua segunda medalha de ouro na World Tour, depois de Dusseldorf no ano passado.

Na competição masculina, em -60 Kg, o georgiano Lukhumi Chkhvimiani, medalha de bronze do Grand Slam de Düsseldorf, derrotou o compatriota e cabeça-de-série Amiran Papinashvili, e venceu a sua primeira final em casa com um contra ataque muito rápido.

Chkhvimiani ficou no topo de um pódio em que todos os quatro medalhistas eram da Georgia.

Em -48 Kg, Marusa Stangar colocou a medalha de ouro ao peito depois de um rápido contra-ataque contra a sérvia Milica Nikolic. Uma finalização que deu aos judocas eslovenos um fantástico motivo para comemorar.

O Brasil também encontrou motivo para fazer a festa graças a Sarah Menezes que conquistou a medalha de bronze.

A francesa Amandine Buchard mostrou uma tenacidade imensa ao bater a suíça Evelyne Tschopp em -52Kg. Com dois ataques somou dois waza-aris e conquistou o primeiro lugar na categoria.

O movimento do dia veio do georgiano Lasha Chaduneli com um espetacular movimento sobre Oruj Valizada do Azerbaijão. Judo de altíssimo nível em Tbilissi.