Última hora

Última hora

Sula: "o pincel é a minha melhor arma"

Em leitura:

Sula: "o pincel é a minha melhor arma"

Tamanho do texto Aa Aa

Polícia durante o dia e pintor à noite. É desta forma que o turco Ahmet Sula concilia duas paixões. Aos 43 anos, confessa que o pincel é a sua melhor arma. E sabe do que fala já que ao longo das últimas três décadas, o atual chefe de polícia passou por uma unidade antiterrorista, em Istambul. Uma experiência que marcou o homem e o artista.

"Poucos artistas passaram por aquilo por que eu passei ou viram o que eu vi. Mas não existem portas que a arte não possa abrir. A arte é universal e toca o inimaginável. Tem um efeito borboleta" refere Ahmet Sula, chefe de polícia e artista.

Gestos como este abrem caminho a um novo mundo dominado por obras abstratas com traços de contemporaneidade. Roma é a cidade escolhida para próxima exposição além-fronteiras do artista dentro de cerca de quatro meses.

Mais sobre Cult