Última hora

Última hora

Começa investigação ao acidente do voo 1380 da Southwest

Em leitura:

Começa investigação ao acidente do voo 1380 da Southwest

Tamanho do texto Aa Aa

As autoridades deram início a uma investigação relativa ao acidente com o voo 1380 da Southwest Airlines, que ligava os aeroportos de La Guardia, Nova Iorque e Love Field, em Dallas, no Texas.

Foi no início desta semana que uma passageira morreu depois dos destroços de uma da turbina esquerda da aeronave embatessem numa da janelas, quebrando o vidro e fazendo com a passageira quase fosse sugada do aparelho.

Jennifer Riordan tinha 43 anos e viajava sozinha. Um grupo de passageiros tentou salvá-la e conseguiu impedir que fosse cuspida para fora da aeronave, mas a vítima acabou por morrer.

O aparelho fez uma aterragem de emergência no aeroporto internacional de Filadélfia, estado da Pensilvânia.

Foram encontrados destroços do motor a cerca de 80 quilómetros a norte da cidade.

A Agência Nacional para a Segurança nos Transportes (NTSB, sigla em inglês), dos Estados Unidos, disse que ambos motores do avião seriam inspecionados no espaço de duas semanas.

REUTERS
O voo 1380, da Southwest Airlines, fazia a ligação entre o aeriporto de La Guardia, Nova Iorque, e Love Field, Dallas. REUTERS

A Autoridade Federal para a Aviação (FAA, sigla em inglês), anunciou que vários aviões da Southwest e de outras empresas seriam também inspecionados.

As duas caixas negras do aparelho encontram-se nos laboratórios da sede da NTSB, em Washington.

Para já, sabe-se que uma das 24 lâminas da turbina se partiu, impedindo que esta funcionasse corretamente.

Marty Martinez, de 29 anos, era um dos passageiros. Filmou o que aconteceu com o seu telemóvel (telefone celular) e chegou mesmo a utilizar o serviço de Internet sem fios, pré-pago, disponível nos voos da companhia, para despedir-se da família, temendo o pior.

Decidiu também filmar tudo o que se passou. Explicou que ouviu uma explosão no interior do aparelho e que, segundos depois, caíram as máscaras de oxigénio.

De acordo com a NBC News, os passageiros de outro voo da Southwest Airlines passaram por um episódio semelhante em 2016, embora não tenha havido feridos nessa ocasião.