Última hora

Última hora

Rússia prepara Síria para novos bombardeamentos

Em leitura:

Rússia prepara Síria para novos bombardeamentos

Tamanho do texto Aa Aa

A Rússia vai formar militares sírios para que dominem os sofisticados sistemas antiaéreos S-300, após a condenação de Moscovo dos bombardeamentos perpetrados pelos Estados Unidos da América, Reino Unido e França, em meados de abril.

De acordo com o chefe adjunto do estado-maior das forças armadas russas Sergei Rudskoi, os novos engenhos militares seguirão para a Síria em breve.

"Especialistas russos continuarão a ensinar os soldados sírios e vão, também, fornecer assistência para para que dominem os novos sistemas de defesa aérea que serão entregues num futuro próximo", informa.

Rudskoi informou, ainda que a forças de defesa aérea da Síria abateram 46 mísseis norte-americanos e que a Rússia prevê estudar um míssil de cruzeiro Tomahawk, dos Estados Unidos, capturado por forças sírias, para melhorar os seus próprios mísseis.

Os bombardeamentos ocorreram como retaliação de Washington, Paris e Londres, pelo alegado ataque com armas químicas, a sete de abril, na cidade de Douma, perto de Damasco e que matou mais de 40 pessoas.